Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2009

FEITO EU

Para ler ouvindo:
Sou feita das risadas que já dei dos choros que já silenciei e de outros tantos que escorreram ácidos... Sou feita das calçadas que já pisei dos abraços que sem querer guardei e daqueles que já dispensei, ora essa. Sou feita das piadas que inventei das coisas sérias que ignorei e que de manhã corri atrás, pra alcançar. [há sempre um momento bom, há de se acreditar...] Sou feita das cartas que rasguei das pétalas que enterrei e de naturezas minhas, andantes, cansantes. Sou feita dos acasos que, violenta, calei de casos que transbordei e inquietações várias, calmarias, meninices. Sou feita dos clichês que aceitei das evidências que suportei e da intuição que quis sempre reinante. [errante, flutuante até!...] Sou feita da liberdade que busquei da fé que lapidei da transformação que acreditei e de atmosferas tantas que me são caras. Sou feita das lapidações que forjei das vozes que amei e da razão, que definitivamente não sou filha. Sou feita das cócegas que aguentei do…